ESTRAGO DA NAÇÃO

9/13/2004

Farpas Verdes CXXII

Sinceramente, não consigo compreender a controvérsia interna no Governo em torno da divulgação do relatório sobre o acidente de Matosinhos provocado pela Petrogal. António Mexia, ministro das Obras Públicas - e anterior presidente da Galp -, e Álvaro Barreto, ministro das Actividades Económicas, queixaram-se de que Nobre Guedes, ministro do Ambiente, não lhes deu cavaco antes da divulgalão do referido relatório.

A minha pergunta é a seguinte: se os tivsse avisado, as conclusões de um relatório técnico seriam diferentes? Se não - como se esperaria -, os protestos não têm sentido, tanto mais que daqueles dois ministérios havia representantes na comissão que elaborou o relatório. Se sim, então ficaríamos a saber uma versão tipo Rússia, oficializando e deturpando a realidade.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial