ESTRAGO DA NAÇÃO

7/06/2007

Alentejo a ferro e fogo

Os incêndios desta semana começam a atacar em força no Alentejo. Coisa impensável há umas décadas, mas que revelam que a região sul do país, que possuía uma estrutura agrária e florestal quase imune aos grandes incêndios, está agora a transformar-se num extenso matagal. E isso paga-se agora caro, com tendência a piorar. Já tinha destacado isso no livro Portugal: O Vermelho e o Negro, e no ano passado num artigo que escrevi no Diário de Notícias.

Etiquetas: ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial