ESTRAGO DA NAÇÃO

11/28/2006

Eu sou um imprudente

Ontem, participei num seminário organizado pela Associação Nacional dos Bombeiros Profissionais para fazer um balanço sobre a época dos incêndios - que foi, na minha opinião, bastante má, tendo em consideração as condições meteorológicas excepcionalmente muitos favoráveis. Não consegui encontrar melhor frase para iniciar a minha palestra do que esta:

«Procede imprudentemente aquele que não se acomoda às coisas presentes, que não obedece aos costumes, que esquece aquela lei dos banquetes: ‘Bebe ou retira-te’; enfim, que quer que a farsa não seja farsa. Pelo contrário, serás verdadeiramente prudente, vendo que és mortal, não querendo saber mais do que os outros, convivendo ou errando de boa vontade com a universidade dos homens. Dirão que isto é estultícia. Não o nego, mas concordai que é essa a maneira de agir na farsa da vida.»
Erasmo de Roterdão, ELOGIO DA LOUCURA (1509)

5 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

impunemente ou imprudentemente? É que tem implicações bem diferentes...

jc

29/11/06, 22:01  
Blogger Pedro Almeida Vieira disse...

imprudentemente, claro... enganei-me na transcrição; aliás, o título do post levava a concluir por esse engano. Na verdade, quem, segundo Erasmo, vive de forma prudente (ou seja, vivendo a farsa da vida), é que acaba por passar impune...

30/11/06, 00:13  
Anonymous Anónimo disse...

esses interlocutores profissionais tmbém não me parecem boa companhia...

01/12/06, 22:09  
Anonymous Anónimo disse...

Parabéns Pedro, já fui a 4 livrarias à procura do Vermelho e Negro (não o de Stendhal, que esse conheço) e está esgotado, o que significa um sucesso! Vou hoje ao ataque outra vez e desta vou conseguir!, macacos me mordam se não for o caso :-)

jc

02/12/06, 14:48  
Blogger Pedro Almeida Vieira disse...

O livro, pelo que sei, não está esgotado. Não sei onde tentou adquiri-lo, mas na FNAC ainda está à venda.

02/12/06, 21:05  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial