ESTRAGO DA NAÇÃO

2/21/2007

Continua a novela «Há mar e mar, há ir e levar»

A novela, com novo episódio, mete muitos camiões de areia, muitas reuniões, muitas declarações para a imprensa, muitas visitas do ministro. Tanta azáfama na Costa da Caparica parece demonstrar à opinião pública que se está a fazer tudo o possível para enfrentar a fúria do mar. Puro engano. Apenas se está a gastar dinheiro. Se durante anos e anos pouco se fez - e recordo-me que as ameaças do mar já vêm de longe naquela zona -, agora nada há a fazer em pleno inverno com marés vivas. Toda e qualquer areia ou enrocamente que se lá meta agora é um remendo que custa muito dinheiro e com efectivos que podem ser nulos - como se está a tornar evidente. Numa situação destas, apenas há uma solução: evacuar o que está em perigo, e aguardar pela Primavera para, assim sim, fazer os reforços necessários e pensar numa intervençãomais adequada para aquela zona. Obviamente que, isto implica assumir uma «derrota» contra o mar. Mas, caramba, poupava-se dinheiro.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial