ESTRAGO DA NAÇÃO

4/05/2005

Farpas Verdes CCII

O ex-presidente da República, Mário Soares, veio ontem criticar o Governo socialista por ter mantido a tutela do Mar no Ministério da Defesa. Esta «aberração» introduzida pelo Governo de Santana Lopes deveria ter sido a primeira das medidas de «sanitárias» a ser tomada. Não fa zqualquer sentido olhar para o mar numa perspectiva de defesa nacional, mas sim numa defesa de recursos naturais. Não significa isso que por a tutela ficar no Ministério do Ambiente não haja a (devida) colaboração das autoridades da defesa (nomeadamente no combate ao tráfico e de controlo pesqueiro e de navegação marítima).

Por outro lado, o anterior Ministério da Defesa tinha ainda mais uma outra aberração: tutelava os troços navegáveis dos rios.

Penso que ainda há tempo do Primeiro-Ministro corrigir esta situação; ficariamos assim apenas a pensar que foi uma distracção.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial