ESTRAGO DA NAÇÃO

2/21/2005

Farpas Verdes CLXXIII

Face aos resultados e numa análise exclusivamente centrada em deputados de cariz ambiental, temos o seguinte:

a) os dois deputados do MPT (Pedro Quartim e Luís Carloto Marques) foram eleitos, mas o segundo um pouco à rasca (3º na lista do PSD de Setúbal, que só elegeu três, tendo sido o 15º dos 17 deputados eleitos por este distrito)

b) Humberto Rosa, que se encontrava em 23º lugar na lista do PS em Lisboa foi eleito directamente (embora já seria certo ir para o Parlamento por «substituição» dos ministros e secretários de Estado... se é que ele não vai ser um deles)

c) Jorge Moreira da Silva, actual secretário de Estado, estava em 13º lugar na lista do PSD em Lisboa. Por causa do acordo com o MPT e PPM, não foi eleito. É, contudo, provável que seja deputado, porque alguns dos que o antecedem não ocuparão certamente o cargo. Mas este é um evidente caso de que o PSD fez um péssimo negócio.

d) O Partido Ecologistas «Os Verdes» obteve dois deputados: um é Heloísa Apolónio (que já era antes) e outro será Francisco Lopes, que aparece identificado na site do PCP como advogado estagiário de 30 anos.

e) José Eduardo Martins também foi eleito como deputado por Viana do Castelo. Só o cito aqui como político com costela ambientalista (que, na realidade, não tem), porque o antigo secretário de Estado do Ambiente teve uma estrondosa derrota (tinha sido também cabeça de lista nas anteriores eleições) ao descer dos 45,5% em 2002 para os 33,5% agora.

f) Luís Nobre Guedes, ministro do Ambiente, também não foi eleito, apesar da radicalização do seu discurso contra a «co-inceneração» (como apareceu, durante algum tempo, nos seus outdoors). Somente teve 5,61% (4ª força política no distrito) e no concelho de Coimbra (onde fica Souselas) , embora tenha tido 6,6% dos votos, foi o 5º melhor, tendo aqui sido também ultrapassado pelo Bloco de Esquerda.

d) E, claro, José Sócrates e Pedro Silva Pereira foram eleitos, embora o primeiro vá para primeiro-ministro e o segundo é o mais provável próximo ministro do Ambiente e Ordenamento do Território.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial