ESTRAGO DA NAÇÃO

10/25/2006

Uma questão de justiça

Por lapso, ontem tinha-me faltado referir este bom artigo da Rita Carvalho, no Diário de Notícias, que releva a redução de 50% do orçamento do Instituto de Conservação da Natureza entre 2002 e 2007, tendo passado de 55 milhões para 28 milhões.

Acrescento, porém, que a redução ainda será maior a preços reais, se considerarmos a taxa de inflação. Mas, em todo o caso, contas feitas - e tendo em consideração que o ICN «gere» áreas protegidas e Rede Natura; portanto, 1/5 do território nacional -, no próximo ano pingará cerca de 15 euros (3 contos na moeda antiga) por cada hectare de área sujeita a intervenções de conservação da Natureza em Portugal durante todos os 365 dias. Uma esmola, portanto. Obrigado, engenheiro José Sócrates - o que seria da conservação da Natureza em Portugal se o senhor, sendo agora primeiro-ministro, não tivesse imbuído de uma extraordinária sensibilidade ambiental por já ter tutelado este sector.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial